Curso Presencial
6 jan 2018 - 3 fev 2018
40 horas (08h às 17h) Aos Sábados
Manaus-AM
9 Alunos inscritos
ValorR$ 550,00R$ 349,00

3 x R$116,33 no Cartão de Crédito

MATRICULE-SE

PAGUE SEUS CURSOS COM: pagamentos

O CURSO INICIA EM 06 DE JANEIRO/2018

 

CONSIDERAÇÕES

CURSO TODO PRÁTICO DIRETO NOS SISTEMAS!

No curso você vai aprender as tarefas executadas pelo departamento fiscal que acontecem nas empresas de diversos segmentos.

Após o treinamento você estará apto para trabalhar no departamento fiscal de qualquer empresa,  e se você é contador, após o curso você terá mais segurança no atendimento aos seus clientes.

Você vai aprender todas as rotinas do setor, desde a análise da nota fiscal, seja de comércio ou de prestação de serviços, lançamentos das notas no sistema de escrita fiscal, registro de entrada, registro de saída, apuração dos impostos, ICMS, ISS, guias de recolhimentos, empresas MEI, parte fiscal de empresas do Simples Nacional, geração do DAS, empresas do Lucro Presumido, cálculos de IRPJ, CSLL, PIS, COFINS,  informações prestadas pelo GISSONLINE, DCTF e SPED, vai operar todos os sistemas necessários ao desempenho das tarefas ligadas ao departamento fiscal.

Curso realizado em 5 sábados.

Partindo do ZERO!

Objetivo:
Capacitar o aluno a realizar os procedimentos do dia a dia do departamento fiscal. Ideal para quem trabalha ou quer trabalhar no setor fiscal das empresas. Ideal também para contadores com escritório contábil que pretendem melhorar o atendimento ao seu cliente.

Método:
As aulas são ministradas em laboratório de informática através de exercícios práticos, utilizando os recursos de cada software.

Público-Alvo:
Pessoas que atuam ou querem atuar  no departamento fiscal, áreas administrativas, contábeis e demais interessados no tema.

Pré-requisitos:
Conhecimentos básicos de informática (imprescindível).

Instrutores:

José Orlando Oliveira – Contador, Empresário da Área Contábil, Especialista em Planejamento e Gestão Tributária. 

Marina Cardoso – Bacharel em Direito, Contadora, Empresária da Área Contábil e Especialista em Direito Tributário.

.

MATRICULE-SE

CONTEÚDO PROGRAMÁTICO

Nota Fiscal Eletrônica

  • Análise de Notas Fiscais (DANFE);
  • Autorização;
  • Rejeição;
  • Denegação;
  • Cancelamento da NF-e;
  • Confirmação de entrega da mercadoria;
  • Devolução;
  • DANFE – Documento Auxiliar da NF-e;
  • NF-e – Contingência.

Lançamento de Notas Fiscais no Sistema de Escrita Fiscal

  • Cadastro da empresa;
  • Cadastro de fornecedores;
  • Cadastro de produtos;
  • Lançamentos das NF-e de Entradas e Saídas;
  • Apuração dos Impostos.

Departamento Fiscal:

  • Tributação e Emissão de Notas Fiscais – ICMS:
  • Conceitos: fato gerador, obrigação acessória, isenção, diferimento, suspensão;
  • Incidência do ICMS: Base de Cálculo, Alíquota, Cálculo;
  • Análise da forma de emissão e tributação das notas fiscais nas operações mais comuns.
  • Escrituração Fiscal e Apuração – ICMS;
  • Livros fiscais obrigatórios – Modelos, forma de preenchimento e normas regulamentares;
  • Condições para escrituração por processamento de dados;
  • Forma de preenchimento da GIA e emissão de relatórios.
  • Imposto Sobre Serviços – ISS:
  • Incidência do ISS, local da prestação, responsabilidade tributária e retenção na fonte;
  • Base de Cálculo, Alíquota e prazo de recolhimento;
  • Documentos utilizados na prestação de serviços: modelos, normas e forma de preenchimento;
  • Livros Fiscais: Modelos e formas de preenchimento.

Microempreendedor Individual – MEI

  • O setor fiscal de empresas MEI

Simples Nacional

  • O ingresso no SN;
  • Atividades permitidas e impeditivas;
  • Base de cálculo;
  • Obrigações acessórias;
  • Gissonline;
  • Exclusão do SN;
  • Geração do DAS (Documento de Arrecadação do Simples).

Lucro Presumido

  • Apuração do Lucro Presumido;
  • Apuração da contribuição do PIS;
  • Apuração da contribuição da COFINS;
  • Apuração da contribuição Social sobre o lucro – CSL;
  • Formas de Retenções na fonte do imposto de renda, sobre as notas fiscais, art. 647 do RIR 3000 e LEI 10.833/03;
  • Declaração de Débitos e Créditos Federais – DCTF.

SPED

  • Introdução ao SPED
  • Escrituração Fiscal Digital (EFD):
  • SPED ICMS e PIS/COFINS;
  • Conceito;
  • Validade;
  • Certificação digital;
  • Recepção / Validação;
  • Possibilidade de Dispensa;
  • Periodicidade do arquivo;
  • Livros abrangidos;
  • Obrigações que poderão ser incorporadas;
  • Estados que já possuem sistemas próprios para geração da EFD;
  • Especificações técnicas do leiaute e orientações gerais;
  • Resumo da composição da Escrituração Fiscal Digital, e
  • Regras gerais de preenchimento.